Jornal Folha Popular
Image default
Comunidade Cultura

Espaço Cultural Maloka em Lauro de Freitas pede ajuda para recuperar estúdio destruído pela chuva

Localizado no bairro de Portão, em Lauro de Freitas – BA, o projeto Maloka é uma iniciativa do Coletivo Triplice, que desenvolve atividades socioculturais sem fins lucrativos através da cultura Hip-Hop há 10 anos.

O coletivo foi motivado a criar o projeto social a partir da atuação itinerante em Lauro de Freiras, para que crianças e jovens pudessem ter formação complementar nas áreas de dança, fotografia, teatro, música, capoeira e outras linguagens artísticas e culturais. O Espaço atende um público majoritariamente de jovens em condição de risco social.

Criamos o projeto “Maloka espaço cultural” onde fundamos nossa sede em nosso bairro, lá desenvolvemos diversas atividades como oficinas, aulas de musica, desenho, grafitti, produção musical, dança, cinema comunitário, palestras e ações sociais com intuito de alcançar jovens em situação de risco. Somos responsáveis por toda despesa do espaço: Como aluguel, água, luz e manutenção”. Conta Rilk MC, vocalista do grupo de Rap Família Triplice.

Família Triplice é um grupo de Rap Baiano que fugiu dos padrões, e que está sempre inovando, formado por Rilque Tiago Souza “Rilk MC”, iniciou a carreira no movimento Hip Hop no ano de 2005, começou cantando em festivais estudantis e gincanas escolares, foi onde conheceu Isaias de Jesus Lima Junior “Junior MC” que também se apresentava em eventos estudantis, juntos começaram a desenvolver atividades na escola e na comunidade através da cultura Hip Hop, ambos moradores do mesmo bairro Portão (Lauro de Freitas) bairro periférico onde são poucas as alternativas de lazer e entretenimento para a juventude.

Foi quando perceberam que através da música poderiam encontrar uma forma de ocupar a mente e passar uma mensagem positiva, de auto estima e conscientização para as pessoas, propagando o conhecimento e a cultura através das suas músicas. Profissionalizaram- se e ganharam espaço na cena local e foram se destacando até que, de 2010 para 2011, lançaram um disco por conta própria Intitulado “É Noiz na Fita” convidando grupos de outras vertentes musicais, idealizando uma mistura de culturas e ritmos como samba, reggae Soul & Afrobeat, dando inicio a uma característica diferenciada a música Rap.

CAMPANHA PARA RECUPERAR O ESPAÇO CULTURAL

Nas últimas semanas de chuvas a cidade de Lauro de Freitas– BA, foi atingida por uma grande enchente onde o nosso espaço foi afetado e tudo foi perdido.

Sem apoio do poder público, o grupo decidiu criar uma campanha para arrecadar fundos, com objetivo de restruturar o espaço e retomar as atividades, começando pela compra dos equipamentos do home Studio. Onde qualquer pessoa pode contribuir independente do valor.

Motivado, Rilk conta que a maior motivação do grupo é saber que saíram desse espaço de miséria e violência onde muitos não tem chances e que  hoje são referências  dentro da comunidade, dá muita satisfação e ao mesmo tempo traz a responsabilidade enormes para estarem de pé pra lutar pelos ideais que acreditam.  ” A gente conseguiu alcançar e chegar em espaços que ora para nós era utopia!

O fato e perder muitos amigos pro crime me mostrou isso, falta de oportunidades notória, porém, quando vi que conseguia influenciar mentes para o bem eu percebi que podia potencializar isso tendo sempre a arte como ferramenta de transformação social”. Destacou.

Link para contribuição: https://www.catarse.me/studiotriplice?project_id=96448

Redes Sociais: Instagram: @malokaespacocultural. Facebook: Maloka Espaço Cultural

Por: Geovan Bantu

Postagens Relacionadas

Claudia Leitte, Psirico, Kevinho, Duas Medidas e Gustavo Lima são atrações do Holiday folia neste domingo

Ricardo Andrade

Ingressos para o show de Jorge e Mateus já estão à venda

Ricardo Andrade

Arrastão no centro marca a segunda de carnaval em Lauro de Freitas

Ricardo Andrade

Deixe Um Comentário

Este site usa cookies, para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia Mais...